Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Seminário celebra o centenário do fenômeno que confirmou a Teoria da Relatividade Geral, de Albert Einstein

Publicado: Quarta, 22 de Maio de 2019, 15h23 | Última atualização em Quarta, 22 de Maio de 2019, 15h23

Nesta sexta (24), o Observatório Nacional (ON) realiza o seminário 100 anos do eclipse de Sobral e a comprovação da Teoria da Relatividade Geral, iniciativa que celebra o centenário do fenômeno que foi uma das grandes conquistas científicas do século XX e transformou a visão científica do mundo. O evento acontece às 14h no auditório do ON, e conta com as palestras de Antonio Augusto Passos Videira (UERJ) e Luís Carlos Bassalo Crispino (UFPA).

Ao longo do encontro, os especialistas vão debater a participação de pesquisadores do ON na expedição à Sobral, quando o então diretor da instituição, o astrônomo Henrique Morize, realizou observações e fotografias do eclipse, e também vão abordar como a Teoria de Einstein abriu caminhos para um melhor entendimento dos fenômenos físicos em escalas que vão desde o Sistema Solar até o universo como um todo.

Para saber mais sobre a história do Eclipse de Sobral, clique aqui.

 

Sobre os palestrantes

Antonio Augusto Videira

Possui graduação em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1986) e doutorado em Filosofia - Université de Paris VII - Universitée Denis Diderot (1992). Realizou estudos doutorais na Universidade de Heidelberg (1988-1989) e na Universidade de Paris VII (1989-1992). É professor titular da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, além de professor colaborador no Programa de Ensino e História da Matemática (UFRJ) e colaborador no CBPF.

Atuou como docente no Mestrado em Divulgação da Ciência, Tecnologia e Saúde a Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz. Foi pesquisador do Observatório Nacional de 1994 a 1999.Em 2006, estagiou durante um mês no Max-Planck Institut fuer Elementarteilchenphysik (Munique, Alemanha), onde realizou pesquisas no Arquivo Werner Heisenberg. Realizou estágios de pós-doutoramento nas Universidades de Évora (Portugal), Federal da Bahia, Federal de Santa Maria, Estadual de Campinas (2003), Humdolt-Universität em Berlim (2010, Alemanha) e nos Archives Henri Poincaré (2010, França), Universidade de Lisboa (2010). Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Filosofia da Ciência, atuando nos seguintes domínios: filosofia da natureza, filosofia da física, história da astronomia, biografias científicas, história da física e divulgação da ciência. É membro correspondente da Academia Paraense de Ciências desde 2011.

Luís Carlos Bassalo Crispino

Possui Graduação (1992) em Física (Bacharelado) pela Universidade de São Paulo, Mestrado (1997) e Doutorado (2001) em Física pelo Instituto de Física Teórica da Universidade Estadual Paulista. Atualmente é Professor Titular e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Física (PPGF) da Universidade Federal do Pará (UFPA). Foi Coordenador do PPGF/UFPA (2007-2011 e 2012-2016), Membro Afiliado da Academia Brasileira de Ciências (2010-2014), Membro do Conselho da Sociedade Brasileira de Física (2011-2015), do Conselho da Editora da UFPA (2009-2013), do Conselho Superior da Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisa do Pará - FAPESPA (2010-2012 e 2013-2015), do Conselho Diretor da Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa - FADESP (2013-2017), e Membro Associado do Abdus Salam International Centre for Theoretical Physics, na Itália (2006-2013).

Atua como revisor de periódicos internacionais, como Nature Physics, Physical Review Letters e Physical Review D. Tem experiência na área de Física, com ênfase em Teoria Geral de Partículas e Campos, atuando principalmente nos seguintes temas: Teoria Quântica de Campos em Espaços-Tempos Curvos, Buracos Negros e Análogos, Emissão de Radiação por Cargas Aceleradas. Atua também nas áreas de Divulgação Científica e História da Ciência e da Tecnologia na Amazônia

Fim do conteúdo da página