Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Parceria entre o ON e a Shell estuda camadas pré-sal no Sudeste do Brasil

Publicado: Segunda, 20 de Maio de 2019, 13h38 | Última atualização em Segunda, 20 de Maio de 2019, 13h38

O projeto ON-Shell, uma parceria entre o Observatório Nacional e a Shell Brasil Petróleo Ltda., teve início na última sexta-feira, 03/05. O projeto propõe decifrar  estruturas geológicas complexas das camadas do pré-sal das bacias sedimentares da margem sudeste brasileira, através implantação de um fluxo de trabalho que visa integrar dados geofísicos variados em um código computacional que produza imagens tridimensionais da subsuperfície terrestre. Esses dados podem ser magnetotelúricos, eletromagnéticos com fonte controlada e também sísmicos.

A previsão de duração do projeto é de 4 anos. O ON-Shell é fruto de uma parceria entre ICT – Empresa, sendo financiado pela Shell Brasil Petróleo Ltda. no âmbito da cláusula de investimentos em pesquisa e desenvolvimento da Lei do Petróleo. Os pesquisadores do Observatório Nacional Sergio Fontes, Emanuele La Terra e Leandro di Bartolo integram o projeto, além de técnicos de TI da instituição. Além disso, participam também do projeto os especialistas no desenvolvimento de software eletromagnético 3-D Gary Egbert, da Oregon State University (EUA) e Naser Meqbel, do GFZ (Centro de Geociências da Alemanha).

 

Encontro no ON marca início da parceria entre Observatório Nacional e Shell

Fim do conteúdo da página